Homens-bomba matam ao menos 38 em mercado de Bagdá

Residentes locais no cenário de duplo atentado suicida no centro de Bagdá, no Iraque

Dois homens-bomba atacaram um mercado no centro de Bagdá nesta segunda-feira e deixaram ao menos 38 mortos. O ataque foi o mais mortal desde que o Iraque declarou vitória sobre o Estado Islâmico em dezembro.

Outras dezenas de pessoas ficaram feridas: 91 segundo a mais recente contagem de uma fonte médica.

As explosões aconteceram de forma quase simultânea e foram realizadas por dois terroristas suicidas com cinturões explosivos no começo da manhã na praça Al Tayaran, no centro da capital iraquiana, segundo uma fonte da Polícia iraquiana.

Os terroristas detonaram as cargas que levavam de forma sequencial junto a um grupo de trabalhadores que estava na praça.

As forças de segurança se deslocaram ao local e impuseram um cordão policial, enquanto as ambulâncias evacuaram os feridos.

As explosões ocorreram apenas dois dias depois de outro homem-bomba atacar uma base policial no norte de Bagdá, matando oito pessoas.

Até o momento, nenhum grupo terrorista assumiu responsabilidade pelos ataques.

 

*Fontes: Associated Press via Estadão Conteúdo e EFE

Administrador

Fonte Segura: Central de Jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *