PF combate fraudes ao seguro-desemprego no Pará e Maranhão

Ministério do Trabalho teria identificado e bloqueado mais de 57 mil tentativas de fraudes no país, o que equivaleria a desvios de aproximadamente R$ 800 milhões para os cofres públicos

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (22) a Operação Seguro Fake para combater fraudes no seguro-desemprego.

São cumpridos 19 mandados de prisão e 27 de busca e apreensão nas cidades de Redenção, Conceição do Araguaia, São Luiz e São José de Ribamar, nos estados do Pará e Maranhão. Segundo a PF, os dois Estados apresentam alta incidência desse tipo de fraude.

Os investigados responderão por estelionato qualificado, inserção de dados falsos em sistemas de informações e associação criminosa, com penas que podem ultrapassar vinte anos de reclusão.

Em apenas 10 minutos os policiais flagraram 42 tentativas de fraude ao benefício em uma única agência da Caixa Econômica Federal na cidade de Redenção (PA), onde há o protótipo dessa nova metodologia de investigação.

O trabalho em conjunto com a PF, desde a implantação do sistema antifraude desenvolvido pelo MTb em 2016, teria identificado e bloqueado mais de 57 mil tentativas de fraudes no país, o que equivaleria a desvios de aproximadamente R$ 800 milhões para os cofres públicos.

Administrador

Fonte Segura: Central de Jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *