Para vacina contra Covid-19 funcionar, tome as duas doses nos intervalos conforme bula

Atenção: ‘É muito importante obedecer os prazos de intervalos entre a primeira e segunda dose. Se atente para qual vacina você estará tomando’

Por Kleber Moraes
Central de Jornalismo
09 de junho de 2021

Assistindo a CPI no dia de ontem, fiquei impressionado quando o senador Otto Alencar(que também é médico) indagou o Ministro da Saúde se ele tinha lido as bulas de todas as vacinas e Queiroga respondeu que não.

Pois bem, como exemplo Alencar perguntou ao Ministro também “em quantos dias a pessoa deveria tomar a segunda dose da Pfizer, por exemplo?

A resposta do ministro foi “12 semanas”, o senador voltou a enfatizar de que ele estava errado e que o intervalo é de apenas 21 dias. Isso é muito preocupante, já que se não obedecer a bula, no número de dias de intervalo a vacina poderá perder a eficácia e aí o Brasil terá outro grande problema que nos levará a ficarmos “patinando por anos nessa pandemia”.

O senador continuou…“Lamento o senhor não ter lido, porque eu li, de todas”, e o senhor é a autoridade sanitária desse país, determina como a vacina deve ser aplicada e quem deve tomar a vacina, ignorar a bula e não conhecer a posologia e os efeitos colaterais dos imunizantes seria o ‘ato mais irresponsável’ que um ministro da Saúde poderia fazer”, finalizou Otto Alencar.

Então atenção:

Você já sabe, mas é bom lembrar que, para a vacina contra a #Covid19 funcionar, as duas doses devem ser tomadas!

A primeira dose serve para ativar o sistema imune e começar a criar os anticorpos. A segunda dose serve para aumentar e prolongar a proteção.
Lembre-se de que a eficácia das vacinas só é garantida 14 dias após tomar a segunda dose. Garanta toda a proteção que a vacina pode lhe dar!

Muita atenção e boa sorte

Administrador

Fonte Segura: Central de Jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *