Só pensam em ostentar enquanto o Brasil está pegando fogo’, diz Casagrande sobre alienação de jogadores

Por O Essencial
Compartilhado por
Central de Jornalismo
21 de março de 2021



Walter Casagrande Jr. Avaliou que os jogadores brasileiros são alienados política e socialmente. O ex-jogador e comentarista do Grupo Globo entende que falta comprometimento em relação ao que acontece no mundo e citou Richarlison, do Everton (ING), e Igor Julião, do Fluminense, como exceções.

“Falta comprometimento ao jogador de futebol em relação à sociedade e ao que acontece no mundo. Movimentos antirracistas, vacina, homofobia e várias outras coisas para as quais a sociedade despertou e resolveu lutar contra com força e razão, estão sem a voz entre os ídolos do esporte, principalmente do futebol. Eu não vou usar a expressão “mais ignorantes”, mas acho que são mais alienados”, disse Casão em entrevista ao blog Ancelmo.com, do O Globo.

“Tem exceções: vemos o Richarlison, por quem tenho uma admiração muito grande, e o Igor Julião, jogador do Fluminense, que eu também gosto muito. Mas é pouco. No universo do futebol, isso é quase nada. Os jogadores atuais são alienados politicamente e socialmente. Só pensam em ter, em ostentar e em comentar reality show em rede social, enquanto o Brasil está pegando fogo, sendo destruído”, completou.

Administrador

Fonte Segura: Central de Jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *