Confira “PowerPoint” exibido na CPI do Genocídio com organograma do “gabinete paralelo” do governo Bolsonaro

O senador Rogério Carvalho (PT-SE) exibiu nesta terça-feira (1º) na CPI do Genocídio um organograma que mostra como seria a estrutura do gabinete paralelo montado para orientar o presidente Jair Bolsonaro em sua atuação contra a Covid-19. Nise Yamaguchi, que participou como convidada da comissão nesta terça, estaria em um dos núcleos.

Por Lucas Rocha
Revista Fórum
Compartilhado por
Central de Jornalismo
02 de junho de 2021

“São 461.966 mortos. Eu tive parente que morreu, todos aqui tiveram. A gente ficou envolvido por teorias, interesses menores, abaixo do interesse de proteger a vida. Peço a meus pares da CPI a liberdade de exibir um organograma do gabinete paralelo. Estamos caminhando para isso”, disse Carvalho, antes de exibir o organograma.

A estruturação seria feita em três frentes: núcleo operacional, núcleo do gabinete do ódio e núcleo negacionista, ou núcleo teórico da imunidade de rebanho. “Eles não são negacionistas, eles têm uma teoria nefasta, fúnebre, de expor à própria sorte os brasileiros”, afirmou.

Nise seria inserida no núcleo teórico, ao lado de Carlos Wizard, Paulo Zanotto, Luciano Azevedo, deputado Osmar Terra (MDB-RS) e deputado Ricardo Barros (PP-PR), líder do governo na Câmara.

CONFIRA:

Administrador

Fonte Segura: Central de Jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *